quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

As reflexões de hoje (VII)

As reflexões na minha linha do tempo na rede social Facebook:


Eu tento ficar quieto. Mas, às vezes, a indignação fala mais alto. Vamos ao assunto: Para o grupo oficial de 'puxa-sacos' da situação de Taiobeiras, é como se a cidade não tivesse prefeito. A prefeita é Dilma. Desculpem-me a palavra de baixo calão, mas não encontrei outra que definisse melhor os ditos cujos. Diante de qualquer crítica que alguém faça àquilo que é de responsabilidade da administração municipal, eles imediatamente jogam a culpa na Dilma, no PT ou no "líder da oposição". Enfim, parece que Dilma virou prefeita de Taiobeiras, quando o assunto é falar dos problemas da cidade. Já quando é para falar das conquistas, aí dão nome, sobrenome, endereço e telefone. Vamos falar sério: o que tem de obras em Taiobeiras, devemos dar graças a Deus e ao Governo Federal (Dilma). Senão, a situação estaria muito pior. Os tucanos ganharam a eleição municipal de Taiobeiras. Pois que, governem. Não transfiram as responsabilidades para os outros.
(28 de janeiro de 2015)

Taiobeiras vive uma crise de governo. Quem ganhou a eleição municipal aqui foram os tucanos. Governem, tucanos! A culpa não é da Dilma ou do PT se vocês não dão conta. (28 de janeiro de 2015)

Taiobeiras é igual a São Paulo. No mau sentido. Tanto aqui quanto lá, os tucanos aprontam, não cumprem suas obrigações, mas uma grande parte da população age como "zumbis" criados pela mídia desqualificada, repetindo o bordão: "É culpa do PT! É culpa da Dilma!". (28 de janeiro de 2015)

Estou contra a desinformação. Estão tentando colocar nas costas da Dilma aquilo que é da responsabilidade do prefeito. Sou totalmente a favor de cobrar da Dilma aquilo que é de responsabilidade da presidência da República. Mas, aqui em Taiobeiras, cobrar do prefeito aquilo que é obrigação da prefeitura, parece que virou ofensa pessoal. E eles já tem uma resposta decorada: "É culpa da Dilma. É culpa do PT". Ou seja não estão jogando limpo. (28 de janeiro de 2015)

Por exemplo, falam que a Dilma aumenta os impostos. Mas, não falam que um imposto de responsabilidade municipal, o IPTU, também foi aumentado, e de forma abusiva para com o bolso da maioria dos taiobeirenses. (28 de janeiro de 2015)

Nenhum comentário: