domingo, 11 de janeiro de 2015

As reflexões de hoje (III)

É mato, assim como as nossas diferenças sociais e 
culturais, mas não deixam de fazer um belo
 espetáculo estas florzinhas do campo que 
infestaram os canteiros centrais da 
Av. do Contorno, em Taiobeiras.
A sua religião não é a única nem a melhor. A sua etnia (raça) não é a única nem a melhor. A sua orientação sexual não e a única nem a melhor. A sua opinião não é a única nem a melhor. Quando nos dermos conta de que, apesar de especiais e únicos, somos apenas mais um entre os outros, viveremos na tolerância, no respeito, na paz e atentados terroristas, racismo, fundamentalismo religioso e homofobia deixarão de existir.
(Facebook, 10 de janeiro de 2015)

Nenhum comentário: