sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Alguns pensamentos meus por Taiobeiras

Matriz em Reforma, obra da artista plástica Elisiana Alves, retrata
o interior da Igreja Matriz de S. Sebastião de Taiobeiras durante
a última reforma, em 2010
Originalmente, frases escritas no calor dos acontecimentos, na "tela quente" do Facebook, transcrevo-as e republico-as aqui no Blog, para "perpétua memória"! Aventure-se...!

* Quando a Autoridade descamba para o varejo dos gracejos, para a seara das agressões verbais mais vis, é porque a crise se desnudou bem mais grave do pensávamos. Ou não tem mais autoridade ou porque nunca teve. (04/10/2013)
* Quando vejo pessoas sérias comemorando o erro, fazendo de conta que a desonestidade é honesta, sinceramente, dá uma alegria imensa de ter as posições que tenho, de ser quem sou, de lutar pelo que luto... por um mundo mais justo, mais ético, mais humano! (04/10/2013)
* O maior defeito do ignorante é a falta de dúvida, o mesmo que excesso de certeza. (04/10/2013)
* Ó "ignorância" amada
Idolatrada
Salve, salve! (04/10/2013)
* Vivemos no tempo das "falsas verdades" ou das "verdadeiras mentiras" ou sei lá... Resulta tudo na mesma decadência, ao final. (04/10/2013)
* Existem "falsas mentiras"?
Em caso afirmativo, é de se supor que, de fato, são verdades na clandestinidade. (04/10/2013)
* Infeliz do tempo em que se comemoram os erros, as imundícies e as ilegalidades, ainda que travestidos dos mais reluzentes mantos de beatitude! (03/10/2013)
* Assumir-se como situação ou como oposição é um ato de coragem política e de vigor intelectual. É mais fácil ser situação, estar do lado de quem está no poder. No entanto, numa democracia, é necessária a audácia dos que não se dobram e nem calam, a oposição, principalmente nas pequenas cidades como nossa Taiobeiras. (03/10/2013)
* Quando você está no Facebook, discutindo as questões do dia-a-dia da cidade, do estado, do país, do mundo, você também está fazendo política. Numa manifestação de rua, numa greve, também é política. Nos partidos, também é política. O importante é que você tenha propósito e esteja do lado daquilo que beneficiará a comunidade, especialmente àqueles que mais necessitam de ajuda. Faça política, não tenha medo! (03/10/2013)
* Toda eleição é política. Mas a política não se resume apenas a eleições. (03/10/2013)
* Cumpra seus deveres, especialmente com a coletividade. Mantenha as ruas limpas, jogue o lixo na lixeira, não quebre os equipamentos públicos (bancos de praça, orelhões, lixeiras, banheiros públicos, etc.). Não é destruindo o que é de todos que se ataca a velha elite que nos retira a possibilidade de obter maior cidadania. (03/10/2013)
* Exija seus direitos. Especialmente aqueles que sirvam para o bem de muitas pessoas, da comunidade, da coletividade. Não queira favores, "ajeitos", regalias. Não venda sua consciência. (03/10/2013)
* O conhecimento não pode estar separado da prática.
Não é possível ser professor e não fazer política.
Professor = magistério = ensino = conhecimento.
Política = práxis = prática = bem comum. (03/10/2013)
* Enquanto nossos direitos forem tratados como favores, não teremos uma sociedade democrática. (03/10/2013)
* Agora à tarde
A natureza está com aqueles rodeios
Típicos de primavera no sertão
Fazendo a corte
Galanteando o espaço
Pra ver se chove ou se não chove
Tomara que chova! (02/10/2013)
* Comunicador que assassina a "última flor do Lácio" é igual a:
a) professor que não conhece a matéria que leciona;
b) pedreiro que não levanta paredes;
c) cozinheira que não entende de ligar o fogão;
d) comerciante que não sabe vender;
e) etc... (02/10/2013)

Nenhum comentário: