quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Enquete: Fatos históricos de Taiobeiras/MG. Vote.

Em 2010 eu fiz uma enquete sobre os fatos históricos de Taiobeiras no blog, com base neste post. Como o acesso a ele continua alto, vou repetir a enquete e as informações. Participe!

Joel Cruz em 1976
1. A era populista de Joel, compreendendo os quatro mandatos deste político à frente do Executivo municipal, bem como sua prática eleitoral e pessoal de mando, baseada em atitudes e concepções próximas do chamado populismo teórico.


Denerval
2. A era neoliberal de Denerval, caracterizando o pensamento ideológico e a prática política do atual Prefeito e de seu grupo político, nos quais predominam concepções empresariais e liberais de direção da máquina pública, bem como um distanciamento do ideário socializante, todas estas vertentes próximas ao pensamento neoliberal teórico vigente.

Dona Lia
3. A eleição de Dona Lia a prefeita. Destaca-se o fato inédito e único na história de Taiobeiras, o de uma mulher ascender ao cargo de Prefeita Municipal, mesmo lutando contra a máquina populista da situação, em 1992, e desafiando o ideário  machista da cultura local.

4. O assassinato de Tezinho, em 1981. Um grande empresário e liderança política local é morto em seu próprio estabelecimento comercial - o maior da cidade até então - em circunstâncias mistériosas e trágicas. Um fato que passou para o imaginário coletivo da sociedade taiobeirense e que rende debates e narrativas mesmo após quase trinta anos do ocorrido.
Martinho Rego
5. O assassinato de Martinho Rego, em 1911. Baiano de Caculé, um dos fundadores do povoado, foi o primeiro vereador de Bom Jardim das Taiobeiras na Câmara Municipal de Rio Pardo de Minas. Fazia as vezes de agente de polícia na feira de sábado, prendendo desordeiros e levando-os à cadeia da Comarca (Rio Pardo). Foi assassinado em casa, desprevenidamente, por um destes a quem havia aprisionado.
Luis Carlos Prestes
6. A passagem da Coluna Prestes, em 1926. O Brasil atravessava a crise dos anos 1920. O tenentismo exigia uma política diferente da praticada pelas oligarquias do "café-com-leite". O "cavaleiro da esperança", Luis Carlos Prestes, e outros formam a Coluna que percorreu milhares de quilômetros do Brasil visando derrubar Arthr Bernardes da Presidência. Em 26 de abril de 1926 a Coluna ou "Revolta", como ficou conhecida por aqui no sertão, chega a Taiobeiras. Único fato da história do município que nos une aos grandes acontecimentos da história do Brasil.

Procissão N. Sra. de Fátima
7. A festa religiosa e social de Maio. Criada por Frei Jucundiano de Kok, OFM em 1957, a Festa de Nossa Senhora de Fátima (religiosa) e a atual Festa de Maio (social) são o acontecimento cultural, religioso e econômico de maior envolvimento popular do calendário anual de Taiobeiras. A Festa de Nossa Senhora de Fátima ocorre, atualmente, na Igrejinha octogonal situada à Avenida do Contorno. Já a Festa de Maio, parte social, na confluência da Avenida da Liberdade com a Praça da Matriz. Juntamente com ela, acontece também, a Ferarp (Feira de Negócios do Alto Rio Pardo).

Zé da Máquina no 1º de maio
8. A trajetória esquerdista de Zé da Máquina. Um dos fundadores do PT e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Taiobeiras, candidato a vice-prefeito e prefeito, eleito vereador, líder comunitário, polêmico e comprometido com as causas sociais, o cidadão José Sena, conhecido como Zé da Máquina, foi a primeira grande liderança de Taiobeiras a acreditar que era possível fazer política pela Esquerda neste município do Alto Rio Pardo. Faleceu em 2008, num auto-exílio a que se impôs numa cidade do Estado do Tocantins.

3 comentários:

A-SOL pre-vestibular disse...

Professor Levon;
Os fatos apontados na referida enquete é de uma riqueza tão grande que realmente só poderia ser obra de um intelectual de renomado conceito como você.
De todos os casos apresentado um merece explicação de extrema urgência o Caso de Tezinho Mendes. Não sei se você sabe, mas o acontecido com ele desestruturou politicamente Berizal naquele período. Transformando Berizal em reduto eleitoral do populista JCS.

anonimo disse...

Levon, sou natural de Taiobeiras onde morei ate os 14 anos sou filho de D. Preta ( Escola Estadual Professora D. Preta) Quero parabenizar vc por esta inquete, faça uma a favor de dar nomes as ruas da cidade a pessoas ilustres que ja se foram assim a historia se mantera viva, quando vou ai em Taiobeiras meus amigos dizem chegou o homem das cavernas porque gosto muito das historias do passado. Nelio.

eternalmine vele disse...

Voce e um heroi��